Mário Macilau regressa a Luanda com fotografia, poesia, instalação e pintura para revelar um sentido único, uma mesma base e ponto de observação da reacção do comportamento humano perante factos, momentos e contextos. O artista percorre o rumo das decisões locais e mundiais, mais ou menos arbitrárias que conduzem a extremos similares, mas simultaneamente, antagónicos. Um sentido que o leva a um mundo bipolar: igual e diferente de pensamentos, reacções, vivências e subterfúgios. Moçambique e Angola são territórios geograficamente distintos, mas semelhantes. O Único Sentido escolhido por Macilau desvenda entre estes dois países, a mesma forma de agir e reagir ao dia-a-dia e ao mundo. Denuncia uma certa cegueira selectiva que ensombra a realidade mais próxima, mas sagaz quando escrutina realidades distantes.

Press

 

Contacto Telefonico

(+244) 930 340 168

Horários Galeria

Terça a Sexta-feira das 10h00 – 18h00 Sábados, Domingos e Feriados 10h00 – 18h00

Newsletter

Subscreve a nossa newsletter e recebe todas as novidades e ofertas exclusivas. Não enviamos spam.